Publicações recentes sobre a reforma do processo matrimonial

Após a entrada em vigor, no dia 8 de Dezembro de 2015, da reforma do processo de declaração de nulidade matrimonial, determinada pelo Papa Francisco, começam a surgir várias publicações, para além dos inúmeros artigos que já foram ou estão em vias de publicação, que analisam e aprofundam os impactos desta reforma no sistema processual da Igreja.

Um dos primeiros contributos, é a obra coordenada pela Prof. Doutora Maria Elena Olmos Ortega, Presidente da Associação Espanhola de Canonistas, com o título “Procesos de nulidad matrimonial tras la reforma del Papa Francisco” (Ed. Dykinson, 2016). Outra publicação que pode ser útil foi elaborada pelos editores dos Quaderni di Diritto Ecclesiale e tem por título: “Riforma dei processi matrimoniali” (Ed. Ancora, 2016). Por fim, a mais recente obra publicada é da autoria do Prof. Doutor Massimo del Pozzo, e entitula-se “Il processo matrimoniale più breve davanti al Vescovo” (Edusc, 2016).

Anúncios